O  Fundo de Financiamento Estudantil, FIES foi criado pelo presidente Lula no ano de 2014 e, tem como objetivo garantir que alunos de baixa renda ingressem nas Instituições Superiores de Ensino Particulares através de financiamentos. Nesse sentido, o financiamento é feito somente uma vez e tem como prazo o fim do curso, porém, há a necessidade do Aditamento Fies 2023 a cada seis meses para manifestar o interesse em continuar com a contratação.

Aditamento Fies 2023
Aditamento Fies 2023

Todo o processo do FIES é gratuito, incluindo o Aditamento Fies 2023, e todo ele pode ser feito via internet, no site oficial do FIES. Além disso, é importante ressaltar que, a conclusão da contratação do benefício é feita presencialmente na faculdade em questão e no banco, já que todas as informações sinalizadas na inscrição devem ser confirmadas.

Leia: Fies 2º semestre 2023 

Aditamento Fies 2023: Pré-requisitos 

Para concorrer ao benefício, o candidato precisa se encaixar em alguns pré-requisitos:

  • Ter feito o Enem em qualquer ano, a partir de 2010.
  • Ter obtido mais de 450 pontos em todas as provas objetivas do Enem (Linguagens/ Matemática/ Ciências Humanas/ Ciências da Natureza).
  • Não zerado a redação sob nenhuma hipótese.
  • Ter renda per capita mensal de até 3 salários mínimos no caso da modalidade FIES.
  • Ter renda per capita mensal de até 5 salários mínimos no caso da modalidade P- Fies.

Contratação do Financiamento 

O processo de Inscrição é simples e tem duração de, aproximadamente, 5 dias. As inscrições abrem duas vezes ao ano e, juntas, somam 100 mil vagas.

O resultado sai logo em seguida, cerca de 10 dias do fim das inscrições e, a partir disso, inicia-se os transmites para a contratação.

Nesse sentido, após a convocação por meio do site, o aluno precisa complementar suas informações. Isso é, o Ministério da Educação pede informações que ainda não foram apresentadas, como por exemplo o nome do fiador e sua renda, quando necessário.

Após a complementação, o aluno é direciona a Instituição de Ensino escolhida e faz a entrega dos documentos para a conferência.

Caso estejam em ordem, o aluno recebe o DRI, Documento de Regularidade de Inscrição, o qual deve ser levado ao banco para finalizar a contratação.

No banco, o aluno, junto ao fiador, deve apresentar os seguintes documentos, pessoais e dos fiadores:

  • Documento de Identificação com Foto
  • Comprovantes de Residência
  • Comprovantes de Rendimento

Por fim, o financiamento é concluído e, assim, o aluno pode ingressar na Universidade.

Aditamento Fies 2023: O processo 

Como citado acima, o Aditamento Fies 2023 deve ser feito semestralmente, como forma de sinalizar ao governo o desejo de manter a contratação.

É também uma forma de confirmar se os dados do estudante estão todos em ordem, regularizados tanto com o curso quanto com a instituição. E, ainda, garantir que a coparticipação esteja sendo paga em dia pelo aluno.

Além disso, caso o valoro do financiamento se altere, assim como o nome do fiador, por exemplo, ou qualquer informação externa, é no aditamento que elas devem ser corrigidas.

Passo a passo:

  1. Acesse o site oficial do FIES e vá a aba de “Aditamento de contrato”
  2. Informe o CPF e a senha
  3. Clique no código de ativação e em “Entrar”
  4. Confira as informações, corrija-as se necessário e, por fim, clique em “Confirmar aditamento”
  5. Selecione o modelo ao que seu financiamento faça referência “Simplificado” ou “Não simplificado”
  6. Clique em “Imprimir comprovante”

Após esse processo, vá a secretaria da sua Instituição de Ensino e retire o DRM, Documento de Regularidade de Matrícula.

Aditamento Fies 2023: Modalidades 

Há duas modalidades de financiamentos, são elas:

  • Simplificado 

Ocorre quando não há nenhuma alteração a ser feita no contrato, assim, é só confirmar as informações e a DRM pode ser obtida via internet.

  • Não simplificado 

Nesse caso, quando há troca de alguma informação, como por exemplo mudança do fiador, da faculdade, necessidade de aumentar o prazo de pagamento ou, ainda, o atraso da parcela trimestral de juros, o processo é diferente, porém não corre o risco de perder o financiamento.

Atente se aos prazos do Fies, para não perder o aditamento.

 

 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.